Os lagos mais bonitos na Suíça


Em regra, quem visita a Suíça  fica pelas cidades mais conhecidas, Genève; Zurich ou Basel e nas zonas de montanha mais turísticas, Zermatt; Lauterbrunen e Grindelwald. Lugares imperdíveis, sem dúvida, mas há tantos outros lugares incríveis para quem gosta de andar mais por fora dos circuitos turísticos… Há algum tempo fiz um post sobre um desses lugares imperdíveis, o Aescher, e hoje vou partilhar alguns dos meus lagos favoritos, mesmo correndo o risco de que a lista fique rapidamente desatualizada:


Oeschinensee:


Fica no cantão de Bern, no chamado Bernese Oberland, e o acesso ao lago faz-se através da aldeia de Kandersteg. É um bom sítio para parar a caminho do Lauterbrunen (É um pequeno desvio de cerca 40Km) e apesar de estar acessível de Verão e Inverno é no Verão que está mais bonito. No Inverno o lago gela mas na maior parte dos anos não ao ponto de ser seguro caminhar sobre ele.
O lago está rodeado de cascatas

Para subir até ao lago dá para ir a pé ou de teleférico a que acresce uma caminhada de 20 minutos. Acho preferível fazer o percurso de teleférico e guardar as forças para as caminhadas à volta do lago. São várias as possibilidades de trilhos, quer mais pequenas à volta do lago quer de várias horas até à montanha acima do mesmo. Existem também barcos para alugar e, junto aos teleféricos, a possibilidade de andar de “luge”.

Blausee:

O Blausee é, provavelmente, o lago suíço que mais aparece no Instagram. No entanto, o enquadramento com que as fotos são tiradas pode ter um efeito enganador. Ao contrário do que parece não há nada de isolado e selvagem no lago. Fica integrado numa espécie de parque e é necessário pagar entrada. No parque há restaurante, sala de eventos, parque infantil e até loja de recordações. Em suma, o parque em si não é nada de especial, mas o lago é simplesmente magnífico. Tem uma transparência em tons turquesa de uma cor quase impossível e se forem de manhã cedo dá para ter a necessária sensação de isolamento que o lugar exige.


O Blausee é ainda mais bonito no Inverno com a neve a servir de moldura ao lago e o melhor é que fica a caminho do Oeschinensee e dá para fazer um dois em um sem grande esforço.


Lac de Joux:

Tem 9,5 Km2 e é o maior lago suíço acima dos 1000 metros. Fica no cantão do Vaud já muito próximo de França. Apesar de existir muita coisa para se fazer no lago durante o Verão é no Inverno que ele fica mais bonito. É raro o ano em que não gele na sua totalidade e se torne no maior ringue de patinagem ao ar livre na Europa. É simplesmente magnífico e como é muito grande é fácil encontrar zonas sem ninguém à vista.


Stellisee:



É o espelho favorito do Matterhorn. Fica a 2537 metros e fica integrado no mais bonito trilho na zona de Zermatt, o “five lakes trail”. Para lá chegar é necessário apanhar um funicular em Zermatt, seguido de um teleférico e 20 minutos de caminhada. O resto do trilho, com os restantes quatro lagos, implica uma caminhada de 9 Km e até o Magno conseguiu fazer grande parte a pé no Verão passado (o resto foi na cadeira, às costas J).
trilho até ao lago Stellesee

Convém lá chegar antes das nove da manhã para apanhar a luz em todo o seu esplendor e chegar antes dos outros caminhantes. É um circuito muito popular no Verão…


Seealpsee:

Fica no cantão de Appenzell e o melhor de tudo é que dá para conjugar com a visita ao Aescher.

Na aldeia de Wasseraunen, uns quilómetros a seguir a Appenzell, apanha-se um teleférico até Ebenalp e faz-se a descida de 20 minutos até ao Aescher. Depois é só continuar durante hora e meia o trilho até ao lago. O trilho não é duro mas exige muito cuidado especialmente quando feito com crianças. Há muitas pedras soltas e embora algumas partes tenham proteção lateral outras não têm.
Dá para fazer o trilho até ao lago sem passar pelo Aescher com uma caminhada de 45 minutos desde o estacionamento do teleférico.

 

Acrescentavam mais algum lago à lista?


Sigam-nos no Instagram e no Facebook

4 comentários:

  1. Que lugar incrível! Em geral os acessos aos lagos são feitos por teleférico? Poderia dizer em média os valores? Obrigada

    ResponderEliminar
  2. Olá Natália! É possível visitar todos estes lagos a pé ou de teleférico com exceção do Seealpsee em que basta uma caminhada de 20 minutos. Os preços dos teleféricos dependem de ter ou não um Swisspass (o que aconselho vivamente a quem visita a Suíça). Com swisspass a maior parte dos teleféricos fica entre 20 e 30 CHF e é grátis para crianças até aos 6 anos. :)

    ResponderEliminar
  3. 20 30 Che cada teleferico,coom swisspass?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, o Swisspass dá desconto de 50% na maioria dos teleféricos. Em regra só os teleféricos privados não aceitam swisspass, mid tarif e AG.

      Eliminar

Com tecnologia do Blogger.